sexta-feira, junho 27, 2008

De inverno


Assim como muitas pessoas, eu costumo ficar carente no inverno. Época de edredom, chocolate quente e de cafuné, o inverno é a estação ideal pra iniciar um novo romance, ou pra estreitar laços com quem já se dividiu os ventinhos do outono.

Acredito que isso não acontece apenas comigo. O Tim Maia cantou, durante um tempão, que era primavera, mas que quando o inverno chegasse, ele queria estar junto à pessoa amada. A Adriana Calcanhoto chegou a dizer que o inverno no Leblon era quase glacial, e óbvio que isso é porque ela estava sem par.

No inverno, todo abraço é quente, toda mão te aquece e todo peito nu tem calor para dar. Se as pessoas já evitam sair porque está frio, com um parceiro o frio vira a oportunidade ideal pra não fazer nada juntos, pra ver filmes românticos na TV ou apenas para se agasalhar mutuamente.

Porque no verão, tudo já é quente demais, e o abraço, em vez de aquecer, se torna gosmento. As pessoas ficam assim, meio cremosas demais, para estarem num contato muito próximo. Então no verão a solidão pode até passar despercebida – verão é época de romances fugazes, de histórias pela metade sem capítulos finais faltando, e época de tomar picolés, que são sorvetes individuais.

Inverno é época de fondue com os amigos, e assim todos partilham da mesma comida. É época de vinho, cuja garrafa serve ao menos 2 pessoas. Tudo no inverno é mais coletivo, e até um ônibus cheio pode te aconchegar – fica assim quentinho, todo mundo cobertinho, tudo fica gostosinho.

Eu sou uma pessoa especialmente veranista – amo o calor, a praia, o sol, a cor saudável e dourada das pessoas que costumam sorrir mais e andar pouco vestidas por aí. O frio me deprime – especialmente quando minha enorme cama quentinha fica grande demais para eu dormir sozinha.

O fato é que é ótimo estar solteira no verão, onde tudo é descompromissado e pode-se facilmente praticar a política do cada-um-na-sua-canga, evitando assim jorros de areia, peles grudando e micoses praianas. Mas estar solteira em pleno inverno é um saco. Incomodam-me as referências meramente primaveris, e refrigerantes tornam-se totalmente desinteressantes e gelados.

E não adianta fingir que o inverno não existe, nem tentar aproveitar pra comprar biquinis em liquidações como se estivéssemos num eterno verão. Pra mim, é como já dizia a velha música (acho que o Tim Maia também se sentia meio solitário no inverno), não adianta vir com Guaraná, é chocolate o que eu quero beber.

(sorte a minha que o Brasil é um país tropical, abençoado por Deus, bonito por natureza, e que aqui o inverno passa rapidinho!)

5 comentários:

Fiore. disse...

Queridíssima!
Sou obrigado a confessar que estou tão bem e feliz comigo mesmo que tenho adorado TODAS AS CORES, INCLSIVE O CINZA QUE É MISTURA DOS EXTREMOS...
Ultimamente tenho realizado que o dia fica mais "gostosinho" se soubermos aproveitar o que cada uma das cores pode nos oferecer...
Com sol e calor um suco gelado e colorido e uma salada refrescante. Em um dia cinza e frio, o vinho de fato fica melhor e a comida mais quente ainda mais saborosa, já que o calor libera todos os aromas mais facilmente (o que é dicotômico pois só percebemos isso no frio...).
Só ou de mãos dadas, o que importa é o gosto que fica na boca, a imagem registrada na retina, e a certeza que nunca estamos sós, pois ainda existe um bando de ET´s que nos entende... :)
GRANDE BEIJO!

Flavia Melissa disse...

ai que delícia de texto, pura sensibilidade!

e logo depois que o inverno acabar...

"Te amo, é primavera..."

amo muito, tanto que nem sei.

Priscila Rocha disse...

Calma Nana... eu faço seu par no próximo jogo do baralho de letras pra amenizar a sua solidão e a minha, porque já sabe né... "só vai um!".
hahahaha

Ótimo texto!
BJOK!

Lucas disse...

Não temas a solidão do inverno. Logo chega a primavera, e os corpos estarão livres da necessidade de aconchego. Nem lembraremos mais das manhãs frias, dos calmos amores, da respiração ofegante...

Marcela Marson disse...

Concordo com sua ir! texto gostoso de ler!!
Tb adorooo o verão apesar da minha cor não mudar tanto... haha :/
Fora isso , é inverno " abraçaaaa -meeeeeee" hahaha ( piadinha interna)
bjsss