quarta-feira, setembro 30, 2009

A vida como ela é

Diante de situações desconfortáveis, a gente sempre tem duas opções: se entregar à angústia, ao incômodo, à ansiedade, ao desespero, à irritação... ou encontrar maneiras de confrontar nossos sentimentos e pensamentos negativos usando dados de realidade.

A verdade é que a realidade dificilmente é tão ruim quanto nossas fantasias deprimentes teimam em apontar quando não estamos lá muito bem.

Reconhecer que nem sempre as coisas serão como esperamos, respirar fundo e tolerar as frustrações inevitáveis do nosso cotidiano costuma trazer algum conforto. Brigar contra a realidade dificilmente melhora nosso estado de espírito. Temos que nos aliar à ela.

Tudo nessa vida é uma questão de escolha – e eu escolho me sentir bem. Nem que seja escolhendo permanecer exatamente no lugar onde estou, fazendo o que escolhi fazer, e simplesmente aceitar com tranqüilidade minhas limitações diante da vida como ela é...

3 comentários:

raulzitos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
raulzitos disse...

cruelmente sincero, vertiginosamente transparente,
forazmente verdadeiro.

Marcela Marson disse...

Falou tuuudo amiga!
Aceitar é o primeiro passo, assim fica mais leve.
Nem tudo que achamos ser, é o que é de fato!
Nessa hora a realidade nos ajuda.
Respirar é necessário!
Amo